O FIM

 O FIM

Fim de papo, fim de noite

Fim de tarde, fim de semana

Fim de uma grande amizade,

Fim de muitas mentiras

O Fim,  será mesmo um ponto final?

A vida é um movimento contínuo

Nada se  pode  pontualizar

Porque o fim é sempre

O começo de um novo ciclo

Novos sonhos, novos empreendimentos

Para que precisamente nesse processo

Possamos nos sentir recomeçando

Reestruturando, reorganizando

Resumindo: o fim é sempre

O reinício de uma nova etapa

Quem poderá prever os mistérios

Das alegorias e dos futuros cânticos

Que um dia iremos ensaiar

Para cantarmos de verdade?

 

Não devemos acreditar em fim

Mas sempre em eterno recomeço

Tornando-nos não postiços

Mas autênticos  formadores de opiniões

Entendendo que precisamos

Às vezes dar um ponto final em algo

Para entrarmos em outras portas para sorrir

Em um renovado amanhecer

Dentro do encanto de uma nova e revigorada vida!

 

                                              Renato Russo

                                Canal: Francyska Almeida-Fort-Ce.

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!